Sexual e Quântico




O homem sempre temeu os mistérios naturais da natureza.
Institivamente o homem teme a mulher e este temor está na psique.Culturalmente,o homem é ensinado a não demonstrar esse temor e a controlar suas emoções.
No inconsciente masculino a mulher é um ser difícil de entender,suas saliências,suas curvas,cavernas guardam seus segredos.Pode não temer aquela que gera vida ? Que sangra a cada 28 dias e não morre? Aquela que se renova a cada lua iniciando o ritual sagrado da fertilidade?
O homem sempre temeu e perseguiu aquelas com relação mais próxima com a natureza e seus mistérios.
Sempre que as mulheres alcaçaram o poder,foram tidas como bruxas e afastadas, porque o poder que exerce o controle.Vítimas inocentes da incensatez dos poderosos,a mulher sempre teve e tem armas que o homem não têm.
Apesar da evolução, o homem tem medo do fracasso, pois sempre foi educado para vencer e tem medo do poder feminino.Temem ficar dependentes daquelas que são as verdadeiras iniciadoras dos homens nos mistérios da vida.
As personificações negativas das mulheres: Bruxas,Sereias,Vampiras, mitos de Lilith, Medusa,Vagina Dentada...etc..Todas são mitos de devoradoras de homens.
A expressão "vagina dentada" é um dos mitos presentes em várias culturas, advertindo sobre a existência de mulheres possuidoras de vaginas com dentes, expressando a ameaça de relações sexuais com mulheres desconhecidas.O mito realça uma ameaça nas relações sexuais; apesar de entrarem triunfantemente os orgãos sexuais masculinos sempre saem diminuidos.
Fatores como agredir,reprimir,maltratar e espancar uma mulher, podem estar relacionados ao medo.O homem sente-se ameçado pelo feminino.É medo primitivo,pai de todas as dores.O complexo de Édipo é o primeiro obstáculo,é a primeira grande ameaça que o menino precisa transpor ao descobrir que sua mãe é um labirinto de sutilezas e uma caverna de grandes mistérios.Não é fácil penetrar nesses mistérios, uns se arriscam em tentar solucionar, outros nem tentam.
Declarar guerra contra a mulher é declarar guerra contra si mesmo,muito mais vantajoso é fazer amor.
Mulher é um mistério que o homem jamais alcançará.
A sexualidade é uma das maiores fontes de energia que possuímos.Sexo é um ato de sagrada junção de energia.É uma fonte indivizivel de energia e vida.
Não devemos pensar no sexo somente como uma questão fisiológica,prazer carnal no ato sexual.Isto não é amor é sexualidade.O amor não se limita a algumas sensações físicas do prazer.
A Energia Sexual só se torna Amor quando é tocado: o cérebro(produzindo pensamento) o plexo solar e zona do coração(produzindo emoção e sentimento) e nos orgãos sexuais(produzindo excitação).
Em toda relação sexual existe toca de fluídos entre os parceiros.Cria-se um vínculo espiritual entre eles que não pode ser rompido e as auras de um casal que faz só sexo pelo prazer possui uma cor "suja".
No ato sexual ocorre muito mais que uma troca de calor humano,ocorre também uma fusão de energias sutis dos parceiros,troca de fluídos vitais, hormonais e um inter relacionamento de auras.Durante todo envolvimento no ato sexual: carícias,beijos,penetração;as células do corpo vibram mais rápidas, o calor energético vai entrando em ebulição,havendo uma troca de energia ligada ao prazer físico e o casal tem uma grande descarga de energia quando alcança o orgasmo.
O orgasmo é o ápice na formação do elo energético entre os parceiros.Desse ponto de vista, não há sexo seguro,pois sempre há troca de vínculo energéticos que fazem com que o parceiro se aproprie e devolva essa energia e reflete se na forma de como lidamos com nossa sexualidade.Ao praticarmos sexo sem amor,apenas pelo desejo, permanecerá em nós, todo "lixo", daquela pessoa que virá para desarmonizar nossa vibração.Com a banalização do sexo isso ficou comum.
Nosso corpo astral possui chakras que absorvem e transformam essa energia para as nossas diferentes necessidades e a dupla alimenta energias em regime de reciprocidade.Pessoas realizam muitas trocas energéticas, costumam confundir energia institiva sexual como sendo Amor.Sentimento de posse não é Amor.Se não dominamos nossos impulsos sexuais ficamos presos na amarras cármicas conectadas pelas relações sexuais.Ficamos assim prejudicados.
Por exemplo, fazemos sexo com uma pessoa depressiva ou com muita ira, passamos a vivenciar essas pesadas emoções de nosso parceiro(a).Ou estamos tristes, a nossa vibração de tristeza é transferida para o nosso parceiro sexual juntamente com outras trocas de energias, e o parceiro receptor recebe essa carga de tristeza.Carregamos a carga energética do parceiro por alguns meses.Quanto mais carregamos a dele(a) menos sentimos a nossa propria energia.
Agora quando estamos com alguem que amamos o ato de fazer amor e os orgasmos  provocam uma expansão de energia nos nossos campos energéticos.
Quando usados sem amor nossos centros energia ficam bloqueados e a energia não flui,elas causam acúmulo de impressões negativas na nossa aura, criando barreiras á nossa experiência de felicidade.Com isso pode ser disparado um anseio compulsivo por sexo,que é o esforço para desbloquear essa energia ou a perda da vitalidade sexual,ou seja falta de vontade.
Num relacionamento sem amor,mesmo sendo casados, o casal está causando prejuízos entre si, quando se entregam sem amor.Sexo por necessidade fisiológica é gerador de energia negativa e prisão.É uma forma de vampirismo energético do parceiro e surge uma profunda dependência psiquica,emocional e mental.
Quando fazemos com alguém que não amamos,logo após,sentimos como se estivéssemos sujos e vontade de fugir do local,sentimos necessidades de nos limparmos..Mas quando a experiência é de Amor cada parceiro sente-se banhado na energia amorosa.O sexo por amor é uma forma de crescimento.Os atos sexuais nunca são inofensivos.As energias sexuais são forças poderosas.Precisamos saber o que fazer com ela.Sexo é espirito e energia criativa que move a vida.
Uma mentalização de irradiação de luz entre os parceiros sexuais em fusão gerando amor e luz nas preliminares é começo.Para isso temos que ter zelo na hora de escolher a pessoa certa.Vale a pena conhecer seus hábitos e história mas não existe uma fórmula.





                                       

Postagens mais visitadas